expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Translate

sábado, 9 de fevereiro de 2013

PARÓDIA DO CACHORRO SNOW


 
 
 
 
 
 
 
 
Nonô, meu cachorro de fé, meu bichinho camarada.

Mascote de tantos caminhos, de tantas jornadas.

Cabeça de tonto, mas um coração de menino.

Aquele que está ao meu lado em qualquer caminhada.

Me lembro de todas as vezes, meu fiel companheiro.

Você tantas vezes provou ser o meu defenseiro.

O seu sentimento é puro de verdades sinceras.

Nonô, você é o mais certo nas horas incertas.

 

 Às vezes em certos momentos difíceis da vida.

Em que precisamos de alguém para nos dá companhia.

O seu olhar de amor, proteção e carinho.

Me dá a certeza de que nunca estive sozinho.

Nonô, meu cãozinho de fé, meu bichinho camarada.

Latidos e pulos festivos com a minha chegada.

Com sua leal amizade de grande cuidado.

 Nonô, você é o mais certo das horas incertas.


Não preciso nem latir, para saber que tu me amas.

 Mas é muito bom saber, que és o meu melhor amigo. (2V)